Skip to content

Papa Pio II

Pio II, cujo nome de nascimento era Enea Silvio Piccolomini, nasceu em 1405 na cidade de Corsignano, na Itália. Ele ascendeu ao papado em 1458, tornando-se o 211.º Papa da Igreja Católica.

Pio II é conhecido por ser um dos papas mais intelectuais e literários da história da Igreja. Antes de se tornar papa, ele era um renomado humanista, escritor e poeta, e continuou a promover a cultura renascentista durante o seu pontificado. Ele escreveu várias obras, incluindo uma autobiografia, onde descreveu as complexidades de sua vida antes de se tornar papa.

Durante o seu papado, Pio II buscou promover a paz e a unidade entre as nações europeias, esforçando-se para resolver conflitos e manter a estabilidade na região. Ele também empreendeu uma série de reformas na Igreja, focando na moralidade e disciplina do clero.

Um dos momentos mais notáveis de seu pontificado foi a convocação de uma cruzada para defender a cristandade dos avanços do Império Otomano. No entanto, essa cruzada, conhecida como a Cruzada de Mântua, não teve sucesso.

Pio II faleceu em 1464, deixando um legado como um papa humanista que apoiou a cultura renascentista e que trabalhou para promover a paz e a unidade na Europa. Suas contribuições literárias e suas tentativas de reformar a Igreja marcaram o seu papado como um período de transição da Idade Média para a Era Moderna.

Trackbacks

Nenhuns Trackbacks

Comentários

Exibir comentários como Sequencial | Discussão

Nenhum comentário

Adicionar Comentários

Smilies normais como :-) e ;-) são convertidos em imagens.
Asteriscos à volta duma palavra (*palavra*) marcam-na como negrito, sublinhados são feitos com _palavra_.

Para evitar o spam por robots automatizados (spambots), agradecemos que introduza os caracteres que vê abaixo no campo de formulário para esse efeito. Certifique-se que o seu navegador gere e aceita cookies, caso contrário o seu comentário não poderá ser registado.
CAPTCHA

Form options